Progressismo

Progressismo e progressistas

A palavra é bonita, mas esconde ações secretas de inimigos da sociedade. Hoje  se refugia na esquerda política porque não possui votos e dificilmente os terá, ai passou a ser seu casulo, ocultando ações em desfavor da sociedade. Atua  em  causas sociais e culturais, e em nome de minorias ou identidades, as quais manipula com inteligência.

Na esquerda social ela se caracteriza pela cultura da “paz”. É questão que enfraquecer filosoficamente o povo, tachando autodefesa como assunto maligno, assim só fazendo aumentar o poder do estado e de elites criminosas exploratórias. São manipulativos, e o senso comum é a arma que utilizam para minar resistências: “cidadão de bem não anda armado”, repetindo refrões a maneira de Goebells.

A esquerda cultural é bem camuflada. Sem dinheiro e apoio do governo, não poderiam impor suas aberrações ideológicas, precisam também da mídia de massas para propor suas idéias. Nada melhor que o dinheiro alheio para financiar projetos e políticas próprias.

É uma hidra de mil cabeças, dispersa pelo globo, financiada por  filantropos, bilionários, fundações…