Archive for the ‘Liberdades Civis’ Category

Fabricando o medo I

segunda-feira, novembro 20th, 2017

Infelizmente a desconfiança povo entre povo, vizinho contra vizinho é uma arma das elites que foi enfiada na cabeça do povo. Eles trabalham com nossos medos, e a esquerda caiu como um patinho. Onde já se viu o trabalhador ser armado? isso é coisa de propriedade das elites, cheias de seguranças, e de seus capachos políticos com seus seguranças, pagos com nosso dinheiro.

Dividir para reinar, povo contra povo, vizinho contra vizinho, desconfiança no trânsito, briga de bar, essa é criação da psicologia do medo… assim eles elite mantém o monopólio da força e das armas.

 

Massacre nos EUA e repercussão nos direitos

segunda-feira, junho 20th, 2016

O massacre em Orlando, EUA, novamente abriu uma discussão tremenda sobre o direito Universal as armas. Direito inquestionável. E ainda há políticos com ânsia de tirar o direito do povo. Atualmente a esquerda no mundo quer tirar esse direito, sabendo que ela, um dia, como representante do povo, lutava por esse direito.

Na Roma antiga, somente senhores podiam portar espadas. Escravos ou “povão” ficavam a mercê de paus e pedras para suas defesas. Foi uma luta já naquela época.

A Revolução Francesa, também, garantiu que não somente nobres portassem armas, mas o povo.

Nas revoluções comunistas e socialistas, o povo era chamado as armas contra o burguês, as “elites”. Porém, depois estes mesmos socialistas no poder, cortavam qualquer chance dessas armas continuarem nas mãos do povo.

Uma coisa deve ficar clara, pois muitos desconhecem seus direitos, tão acostumados que estão a subserviência ao estado e as autoridades: É o povo que dá as ordens, que paga os salários da autoridade ou político. Esse esta ali para representa-lo, e não para usurpar seus poderes e direitos, na tentativa de criar uma classe superior. É o povo que deve portanto, ter seus direitos  garantidos. Qualquer que diga, particularmente nesse assunto, que somente autoridades devem portar armas deve ser tachado de inimigo publico. Não só porque é um ignorante da sua posição de servidor, mas porque é possivelmente um mal intencionado.

” O governo é a forma que o povo escolheu para executar a sua vontade”.

 

Inimigos do povo, seus partidos e como votam

quarta-feira, março 2nd, 2016

Ontem, 1º de março de 2016, houve votação para liberar o porte de arma para algumas categorias de servidores. Infelizmente o projeto não passou por votação contraria dos partidos PT, PSDB, PPS, e os comunistas. São todos partidos com ânsia de poder e que querem também desarmar o povo. Tem posicionamento de esquerda, a esquerda usurpadora dos direitos.

Segue a lista e a orientação dos partidos e votos dos deputados:

Lista, clique aqui

As Razões da Liberdade: porque lutar

terça-feira, outubro 20th, 2015

Só existe uma luta: a do povo contra os opressores. Nada de esquerda nem direita, nada de popular contra burguês. São invenções para que um e outro grupo suba ao poder. A usurpação de direitos ocorre em ambos os lados e partes, por isso, não devemos tomar partido por essa ou outra ideologia, para não sermos fantoches de espertalhões. Foque unicamente no seu Direito.

Todo mundo falando e o tema atual são as armas, seu controle e posse. Por isso mesmo Barack Obama, meses atrás, foi chorar em frente a redes de TV pedindo que o povo entregasse suas armas. Pediu leis para o desarmamento. Esses políticos em geral usam a emoção e “nossas crianças” para aprovar e impor as piores leis. Sabemos que o povo estadunidense conhece melhor seus direitos que a maioria dos brasileiros, por exemplo, pois o norte americano jamais entregará suas armas para o governo, pois desse momento em diante ele sabe que a tirania se instalará e os bandidos assumirão o total comando do país,  como no Brasil.

Desde os primórdios de Roma e na Revolução Francesa a principal luta foi a liberdade do povo de portar armas (e não somente ‘nobres’ ou ‘abastados’). Tema central de todas as lutas genuínas populares, das legitimas revoluções, porém governos tentam a todo custo usurpar esse direito universal. E por motivos mais que óbvios. Poder popular são as armas. Além de garantir o poder do povo e sua soberania, garante o direito de defesa sem precisar do Estado. Liberdade de expressão pode até ser colocada em segundo plano, pois sem armas essa liberdade é tirada de você em 1 minuto.

Hoje no Brasil, a esquerda (se se pode chamar essa aberração de esquerda) é financiada pelos 1% mais ricos do mundo, através de ongs, direitos humanos, filantropos… quem tem dinheiro ‘compra’ a agenda da esquerda latina. Tanto que os partidos e imprensa tem os mesmos pontos de vista: desarmamento do cidadão, industria de multas, apoio a burocracia estatal, tudo para dificultar a vida do povo, sabotando e usurpando seu poder. Propaganda e falsas estatísticas são usadas. Todas as campanhas que vemos na TV, sobre saúde, epidemias, transito, novas leis, lei seca, ou resultado de leis, e mesmo a opinião positiva sobre determinada lei, são pagas pelos contribuintes. As redes de TV não fazem caridade para o publico nem utilidade publica. No Brasil, uma emissora de TV recebe 500 milhões por ano a titulo de veiculações de ações governamentais. A imprensa não sobrevive sem esse dinheiro, por isso não é isenta e não serve ao povo.

O burocrata, políticos e algumas autoridades comportam-se hoje como inimigos públicos, agindo pelo governo e pela razão do Estado. Para eles, o povo é “ignorante” e não sabe o que quer, nem o que precisa.

“O governo é a forma que o povo escolheu para que faça sua vontade.  Qualquer autoridade deve perder  imediatamente o poder no momento que segue uma ideologia ou princípios que não estão de acordo com a vontade popular”. 

Aproveite e assine um abaixo assinado criminalizando políticos e autoridades desarmamentistas, clique aqui

Politicas contra o Brasil

domingo, agosto 2nd, 2015

O partido PT, globo e parte do psdb apoiam vergonhosamente o desarmamento do cidadão honesto

Hoje essa foi uma das péssimas publicações do facebook do PT. Ja foi explicado em detalhes que desarmar o povo é torna-lo mais dócil aos governos corruptos e ineficientes e sujeita-lo a todos os bandidos. É deixa-los submissos e dependentes da ação governamental que em geral nunca aparece. Sem contar as verdadeiras estatísticas: 200 mil pessoas morreram já nos últimos anos por não conseguirem defender a si ou suas famílias, mais 165 mil estupros e outros 2 milhões de assaltos, graças ao desarmamento do cidadão honesto.

Meu caro PT: Bancada da bala não existe. Quem mais sofre com o desarmamento é o povo, que não tem condições de ter seguranças. Políticas sujas como essa de desarmamento é que escondem interesses escusos (enfraquecer o povo sutilmente alegando sua própria segurança). Esta na hora de fazer a Revolução contra políticos que defendem bandidos.

Toda essa suposta esquerda brasileira (incluída boa parte do psdb) tem opiniões semelhantes sobre diversos assuntos: desarmamento da população, não a redução da maioridade penal, demarcação de supostas terras indígenas. Não é de estranhar que todos estejam unidos nessa hora porque pensam todos iguais. Claro que impeachment poderia causar mais problemas ao povo que resolver.

Mudanças drásticas virão.

pt

Organizações e imprensa vil

sexta-feira, julho 3rd, 2015

Quem assistiu o noticiário matutino de uma das principais emissoras de TV do pais, neste 3 de julho não teve dúvidas: a imprensa recebe dinheiro para ir contra o povo.

Claro, desde que for paga para isso, regiamente paga. Aparentando ser uma imprensa de paz e ordem, tendo aparência de legalidade, mas longe da realidade, conseguem enganar os desavisados e influir nefastamente. E fica impossível, para o atento, não notar que tudo é dirigido de forma contra a população, população essa que agora já se informa por outros meios, como a internet, sendo que a TV hoje tem de fazer um esforço hérculeo para continuar manipulando mentes.

Nota-se inclusive, em assuntos outros, diversos, também como desarmamento, contra também a vontade da maioria. E assim, falou em menor e armas, coisas que afetam diretamente o povo, fica claro a posição a favor dos criminosos. Mas quando a mesma emissora fala da Petrobrás, corrupção, mensalão, dai ela é ardilosa: continua esmagando o governo para receber mais verbas, tanto que é a emissora que recebeu bilhões nos últimos anos. Ela só falaria mal do governo para extorquir ainda mais esse governo. E isso os jornais e revistas pelo país fazem exatamente igual. Não se vive de publicidade, mas de extorsão contra governos, sejam municipal, estadual ou federal.

Destarte, o partido do governo, é outro que tem as mesmas posições viciosas de nossa imprensa, pois bebem da mesma fonte de financiamento. A unica diferença, entre os principais partidos, do governo e o contra, que governou na década de 90, é o entreguismo que quer a vender o patrimônio nacional e estratégico a estrangeiros pelo menor preço.

O partido do governo e outras cúpulas de partidos recebem dinheiro de organismos internacionais, sem duvida, e de alguns filantropos, filantropos esses, e entidades essas que, ignorados em seus países ou consideradas fora da lei, aqui agem diretamente. São entidades e pessoas passiveis de pena criminal, por trafico de influencia, exatamente por tentar , por loby indevido, influir nas leis e decisões politicas.

Nos países desprevenidos, com viés para a esquerda, que passaram pelas misérias do neocolonialismo, como Brasil e Venezuela, os bandidos atuam principalmente contra as garantias individuais e a liberdade, usando todo um aparato de supostos defensores de direitos, com seus financiamentos, apresentando a cartilha do que deve ser defendido e injetando dinheiro para isso, portanto, subornam assim entidades ou as criam, sob o falso pretexto de direitos. As entidades que se deixam subornar ou são criadas para esses fins usam nomes diversos, usam palavras chaves como direitos humanos, paz, desarmamento, democracia, inclusão, redemocratização, nomes para enganar a sociedade descaradamente e angariar seguidores e apoiadores. É claro que muitos que são desses institutos, que são políticos e alguns jornalistas, até acreditam no que fazem. É um andar acima que o crime acontece e o suborno se realiza.

Fique-se alerta principalmente contra instituições que a toda hora protestam contra a violência exigindo atitudes do governo mas sabotam o direito de defesa da população, para criar o caos e desordem e continuar extorquindo o governo. É dinheiro dos dois lados, tanto que os barões da imprensa são os mais ricos do país, enquanto o povo fenece na miséria e violência. Hoje o palco é desolador: imprensa, partidos, organizações e instituições estão sendo simples instrumentos de criminosos nacionais e internacionais para sabotar a Liberdade e as Garantias Individuais da população, e estando do lado que não é o do povo.

Uma vil influencia que se subordinam partidos e algumas organizações, que nos afeta diretamente, esta a mostra.

A Liberdade no Trânsito e funções de polícia

quarta-feira, junho 17th, 2015

Mudar a lei imediatamente deveria ser prioridade para os órgãos responsáveis. Transito não deve ser local para arrecadar dinheiro.

A policia deveria se preocupar com roubo, assassinatos, agora, diariamente, preocupar-se com carro rebaixado, farol, suspensão, é demais. O cidadão brasileiro já paga o triplo por um carro, uma pequena fortuna, chegando a ser o triplo do que em qualquer outro país, combustível então o valor é abusivo, e o carro não é dele, pois esta destinado a cumprir regras de governos, regras de todos os tipos e afundado em leis inúteis, e todo tipo de fiscalização possível, isto somado que trafega em estradas mal feitas ou destruídas.

As diferenças entre países

Nos Estados Unidos, a multa vai para a pessoa, e não para o carro, este continua funcional, e  se, se compra um carro pode-se fazer o que desejar com ele, rodas, película ou acessórios, coloca-se a vontade, sem qualquer tipo de autorização ou fiscalização, desde que não coloque a vida de terceiros em risco. A polícia e outras autoridades estão para orientar e defender e não para prejudicar ou criar caso.

O que acontece hoje no Brasil

Combater bandidos dá dor de cabeça e é perigoso, além que bandido não tem dinheiro, o melhor então é ficar em cima do trabalhador para alimentar a industria de multas, arrecadar para os governos ineficientes e corruptos. E, infelizmente temos dois lados, o policial cidadão que recebe ordens para ‘produzir’ e outro do superior subordinado a políticos que exigem produção. Produção, no jargão diário, é multar, pois o jeitinho brasileiro até aqui se sobressai, é querer arrecadar em cima do motorista, transformando as estradas nas famosas ”industria de multas”. Não há estudos quanto de tempo um policial perde em assuntos de transito ou veiculos, mas deve ser substancial, vendo-se o nível da criminalidade no Brasil.

Campanhas na TV e internet contra o motorista

Prejudicando ainda o cidadão temos o governo, ministérios, que fazem verdadeira ‘propaganda’ contra os motoristas, colocando exclusivamente a culpa sobre eles no quesito acidentes. Não consideram que a falta de duplicação das rodovias, por exemplo, constituem 50% das mortes. É ótimo para o governo quando a população aceita esse tipo de mentalidade enganadora, já que o governo embolsa o dinheiro da duplicação ou manutenção e ainda arrecada muito com multas exorbitantes. E o motorista aceita tudo. Nossa mentalidade servil tem de ser mudada imediatamente e exigir do governo e autoridades que façam sua parte.

Solução

São assuntos que devemos pensar aqui no Brasil, muito seriamente. Polícia é polícia e não deve ter autoridade em assuntos de veículos ou trânsito. Isso só se resolverá portanto quando policia for policia e não tiver qualquer autoridade em transito ou veículos.

O governo esta do outro Lado

quinta-feira, junho 11th, 2015

O Governo esta do outro lado

Desarmamento é simplesmente os bandidos tomando conta do pais… o governo esta do outro lado e esse lado não é o seu. Não esperem mais nada desses governos, são comandados e financiados das sombras pelos criminosos.

Se somos maioria, e não temos poder de mudar, é porque os criminosos é que estão mandando.

 

desarme

Entendendo o desarmamento, o caos e violência no Brasil

quinta-feira, maio 14th, 2015

” Aqueles que abrem mão da liberdade essencial por um pouco de segurança temporária não merecem nem liberdade nem segurança.” Benjamin Franklin

Hoje quem assistiu um jornal matutino de uma das principais emissoras de TV teve o desprazer de ouvir essa emissora se manifestar contra o rearmamento da população de bem. E tudo de modo muito sutil.

Primeiro a emissora começou com outro assunto, das mortes diárias por armas de fogo (sem considerar que morreram porque não conseguiram se defender dos bandidos). Depois foi direto ao alvo: contra o rearmamento, que o estatuto do desarmamento deve ser mantido, bancada da bala, e outras alienações.

Não é por bondade, ideologia, cristandade, espiritualidade que a emissora, partidos políticos, institutos e ongs, são a favor do desarmamento: eles recebem dinheiro do estrangeiro para o desarmamento. O bolso por fim acaba convencendo a cabeça. O objetivo é implantar o caos no país, deixando o homem de bem na dependência do governo e nas mãos dos bandidos, abrindo mão de sua liberdade em favor de sua segurança.

É certo que o jornalista, o ativista social ou politico, o baixo nível portanto, nem desconfia que é manipulado pelos chefes, que sabem o porquê recebem dinheiro e são a favor do desarme.

Devemos alertar a todos da má intenção dos partidos, ongs, governo e da imprensa contra a população.

Povo rechaça desarmamento das crianças e pede desarmamento dos bandidos

quarta-feira, abril 15th, 2015

Governo recebeu contundentes respostas. Medida desarmará as crianças brasileiras de suas arminhas cor de rosa.
arminha cor de rosa

As respostas que o Ministério recebeu dos brasileiros foram tão contundente que devem deixar perplexos os que não sabem a situação do país.

desarme 1

desarme 2

desarme 3

As respostas dos brasileiros falam por si.